17/05/14

O Amor Infinito Que Te Tenho - Exposição

Dia 23 de Maio às 18h00, inaugura a exposição de originais do livro "O Amor Infinito Que Te Tenho" de Paulo Monteiro.

Paulo Monteiro é um grande valor da Banda Desenhada portuguesa, reconhecido na europa e américa latina. A sua escrita poética ilustrada a preto e branco, num relato intímo sobre o seu pai, permite, por um breve momento, o tempo da leitura, sentir a ternura e a admiração que o autor conseguiu expressar em cada página.


Paulo Monteiro nasceu em Vila Nova de Gaia em 1967. A partir dos 13 anos começou a ilustrar fanzines de poesia, cartazes e murais. Em 1987 matriculou-se em Letras, na Universidade de Lisboa. Durante esse período estudou Pintura e Cenografia para Teatro. Quando se licenciou, em 1991, foi viver para Beja, no Sul, onde ainda vive.

Teve (e tem) interesses e actividades muito diferentes: trabalhou nas vindimas, passou filmes de Buster Keaton e Charlie Chaplin de terra em terra, escreveu para a rádio e para os jornais como jovem jornalista, trabalhou no Cais Marítimo de Alcântara (Lisboa), compôs músicas, tocou guitarra em casas de repouso para idosos, foi professor de Geografia e Ciências da Natureza, fez cenários e figurinos para teatro, fez teatro de sombras chinesas e teatro de fantoches, participou em escavações arqueológicas, etc., etc. Também fez a curadoria de dezenas de exposições de escultura, ilustração, pintura antiga e contemporânea, etc.

Escreveu e publicou três fanzines de poesia: Poemas (1988), Poemas a andar de carro (2003) e Poemas Japoneses (2005).

Desde 2005 que faz a direcção da Bedeteca de Beja e do Festival Internacional de Banda Desenhada de Beja, por onde têm passado alguns dos mais excitantes autores de banda desenhada da actualidade como Craig Thompson, Dave McKean, David B., Fábio Moon e Gabriel Bá, Lorenzo Mattotti, Lourenço Mutarelli, Miguelanxo Prado, entre muitos outros.

Foi também a partir de 2005 que se começou a dedicar essencialmente à banda desenhada, como autor…

A partir dessa altura publicou várias histórias em Portugal (Venham + 5, Café e Cigarros, Efeméride, BDLP), no Brasil (Café Espacial), na Colômbia (Comic Road) e em Espanha (Barsowia).

Em 2010 publicou o seu primeiro livro, O Amor Infinito que te tenho (Edições Polvo), editado também no Brasil (Balão Editorial), Espanha (Edicions de Ponent), França (Six Pieds Sous Terre), Polónia (Timof Comics), e brevemente no Reino Unido (Blank Slate Books) e na Sérvia (Komiko).





O livro ganhou o Prémio Melhor Álbum Português Amadora BD 2011, o Prémio Melhor Publicação Independente Central Comics 2011, e o Prémio Sheriff d’Or 2013, em França.

Tem realizado e participado em várias exposições ou mostras principalmente em Portugal, mas também no Brasil, Espanha, França, Itália, Polónia e Roménia.

Neste momento encontra-se a trabalhar no seu segundo livro, que deverá estar pronto no final de 2015.

Viaja regularmente pelo Sul de Portugal visitando escolas em pequenas vilas e cidades para falar de banda desenhada.

Tem um filho: Manuel…


El Pep Gallery | loja 35 | centro comercial Imaviz | Av- Fontes Pereira de Melo, 35 | metro Picoas | Lisboa | edicoeselpep@gmail.com

Sem comentários:

Publicar um comentário